Se não é limitado no local e hora de acesso, o software de faturação online também está longe de ser limitado nas funcionalidades. São inúmeras e vão de encontro às necessidades das empresas, mesmo não sendo uma aplicação instalada diretamente num computador ou terminal POS.

Mais básico ou com mais funções disponíveis, depende apenas da versão que subscrever, sendo que as marcas disponibilizam uma grande variedade para que possa escolher o software que melhor resposta dará ao quotidiano do seu negócio.

Eis algumas das funcionalidades mais comuns que pode encontrar num software de faturação online:

  • Emissão de documentos de venda (faturas, faturas simplificadas, faturas recibo e faturas pró-forma), documentos de compra (guias de consignação ou de remessa) ou documentos de transporte;
  • Emissão de faturas eletrónicas, podendo ser personalizadas com o logótipo e até com assinatura digital certificada;
  • Lista de artigos por hierarquias ou grupos que permitam o mais fácil acesso na hora de faturar;
  • Emissão e exportação do ficheiro SAF-T à Autoridade Tributária (uma obrigação mensal dos sujeitos passivos de IVA);
  • Gestão individual de clientes e de fornecedores;
  • Gestão de stocks e possibilidade de criar alertas de stock mínimo;
  • Acesso e gestão centralizada de várias caixas ou até de várias lojas.

A emissão de documentos de venda é uma das funcionalidades transversais a todos os sistemas, podendo em alguns casos ser limitada a um determinado número, dependendo da versão subscrita. Outras funções acima elencadas poderão ser exclusivas de versões mais avançadas do sistema de software online em causa.

Daí que antes de escolher o que pretende usar deve fazer as contas ao preço base mas também ao que esse valor lhe vai permitir fazer, de forma a optar pela resposta mais eficaz e mais adequada ao seu negócio.